Sexta-Feira da Paixão

“Quem crê em mim, ainda que morra, viverá; e quem vive e crê em mim nunca morrerá.”

 

A tradição cristã, atribui a esse dia a morte de Cristo, o dia em que teria dado sua vida pelo perdão dos pecados da humanidade.
Jesus, grande avatar religioso do planeta, nos deixou muitos ensinamentos de luz. A esse dia, vale a reflexão do jejum e da oração, não só do que entra pela boca, que é importante, em vários sentidos, e nós, espiritualistas entendemos muito bem, ou assim deveria ser, a importância energética dos alimentos. Mas como dissemos, a reflexão do jejum e da oração é válida para o que se põe boca adentro, mas também para o que se dispõem boca afora.Jejuemos em relação às nossas palavras e atitudes, aos nossos julgamentos e preconceitos, reflitamos sobre o que é preciso “matar” em nós mesmos, para que renasçamos novas mulheres e novos homens, com uma nova e expandida consciência.

A Casa de Miguel Arcanjo, Organização Esotérica, Universalista, praticante da Umbanda Sagrada, facilitadora e formadora de Magos atuantes em Alta Magia, homenageia a esse avatar celeste, que cumpriu sua missão com maestria e continua inspirando a muitos na senda evolutiva de nosso amado pai  Olorum.

 

Deixe uma resposta

This blog is kept spam free by WP-SpamFree.