Mabon – Equinócio de Outono

Que a magia da egrégora traga a renovação!

Equinócio de Outono, Lar da colheita, Festival da segunda colheita, Festa de Avalon ou, simplesmente Mabon, como chamavam os antigos.

É um dia especial, que marca o início do Outono, período de descanso da colheita, de comemoração, mas, também de reflexão sobre a roda do ano. A colheita foi boa? foram lançadas boas sementes? O que se quer semear para a próxima roda do ano?
O Equinócio de Outono é comemorado pela bruxaria em suas várias vertentes, mas, também é um período especial para outras filosofias
como o Xamanismo e o Budismo por exemplo.

Qualquer pessoa que esteja conectada com as energias mágicas da natureza, percebe no macro e no micro e em si mesma, a roda girando e seus efeitos.

Até a bíblia diz que existe um tempo certo para todas as coisas. A natureza nos mostra esse tempo a todo o momento, tudo é cíclico!
O Mabon é o momento do equilíbrio, onde o dia e a noite possuem a mesma duração, é o encontro entre as energias masculinas e femininas, onde o Deus e a Deusa se encontram e, o Sol(Deus) está prestes a declinar em sua viagem ao submundo, onde fecundará e fertilizará a Terra.
Nesse período, agradeçamos pelos desafios superados no “inverno”, o aprendizado que nos trouxe a “primavera”, as alegrias e as conquistas as colhidas no “verão”.
É hora de renovar-se! Deixe que vá ao chão todas as folhas, prepare-se para o novo!

Deixe uma resposta

This blog is kept spam free by WP-SpamFree.